Hagar, amparada por Deus

03.06.2015

Reflexão bíblica: “E todo o Israel fez subir a arca do concerto do Senhor, com júbilo, e com sonido de buzinas, e com trombetas, e com címbalos, fazendo sonido com alaúdes e com harpas.” I Crônicas 15.28”.

 

Olá pessoal, tudo bem? Tenho um pequeno comunicado: hoje, e durante todo esse mês, não teremos look do dia às quartas feiras, pois como estou participando do #desafio40 e toda segunda feira tem post com os looks da semana inteira, o blog iria ficar muito carregado de tantos looks, e isso é ótimo, mas como gosto de falar de diversos assuntos para não ficar muito repetitivo e monótono, então esse mês de junho, os posts de quanta feira serão variados. E hoje venho apresentar a vocês, uma reflexão bíblica, retirada da ‘agenda da mulher 2014’ (Editora Ágape). Vamos falar de Hagar:

 

 

Hagar era uma escrava egípcia que servia a Abraão, cuja mulher, por causa de sua infertilidade, não podia dar-lhe filhos. Observando costume legal da época, Hagar serviu de ‘barriga de aluguel’ para a esposa de Abraão. Numa ocasião futura, Sara, mulher de Abraão, de forma milagrosa deu à luz um filho. O evento desencadeou desentendimento entre Sara e Hagar. Assim, Hagar precisou deixar seus senhores e partir com seu filho, levando consigo um pouco de água e uns pedaços de pães, provisão insuficiente para enfrentar as condições desérticas da região (Gn 21.14). Consumida a água, Hagar colocou seu filho sentado debaixo de uma árvore e afastou-se para não ouvi-lo chorar e não vê-lo morrer. Em meio ao drama, Deus se revelou à mulher e a animou apontando um poço de água perto dali. O poço, que reabasteceu o odre de Hagar não fora criado por Deus naquela hora de dificuldade, ele já estava ali, foram as dificuldades que tiraram a percepção da escrava rejeitada. Deus apenas abriu-lhe os olhos para que ela pudesse ver. A história e Hagar nos ensina que a provisão humana é insuficiente e injusta, Abraão ofereceu apenas um odre de água e uns pães para a mulher e seu filho enfrentarem o deserto. Deus, por sua vez, os amparou com recursos ilimitados, um poço de água que salvou a vida deles.   

E para complementar esse reflexão, trouxe a vocês uma música com um clipe da Eveny Braga, que conta com pouco a história de Hagar:

 

E outro vídeo que irá contribuir com o assunto, é uma pregação da Ana Paula Valadão no culto de mulheres:

 

 

Espero realmente que este post tenha ajudado você de alguma forma, te fazendo refletir, e se alegar no amor de Jesus e sua misericórdia para conosco. Um beijão, fiquem com Deus e até mais!

Please reload

Posts recentes

Please reload

Looks evangélicos

Looks para o final de ano

Dicas de Make para Noivado

Make efeito Glow

1/1
Please reload

@franciele.vasconcelos

By Blog Simplesmente Rosa